INFORMATIVO  
 
Cadastre-se para receber principais informações e novidades da Angiorad
 
 
::Nome:

::E-mail:

::Médico:
Sim Não



 
Aneurisma da Aorta Abdominal/Endoprótese
 
O que é um Aneurisma da Aorta Abdominal (AAA) ?
 
Um aneurisma aórtico é uma área de fraqueza na parede do principal vaso sangüíneo que leva o sangue do coração para o resto do corpo. Como o sangue flui através da aorta, a área enfraquecida enche como um balão, podendo romper-se.
 
Local mais frequente
 
O local mais freqüente para o aneurisma aórtico é abaixo do local onde dá origem às artérias que irrigam os rins, as artérias renais e acima de sua bifurcação. O aneurisma neste local é chamado de aneurisma da aorta abdominal.
 
Tamanho
 
Um pequeno aneurisma talvez não necessite de tratamento mas apenas de acompanhamento regular para observar se está ou não crescendo.
Se o aneurisma alcança um certo tamanho, então deverá ser tratado.

 
Qual é a freqüência de um AAA?
 
AAA ocorre de 5 a 7% das pessoas acima dos 50 anos nos Estados Unidos. Aproximadamente 1 em cada 250 pessoas acima dos 50 anos vai morrer da ruptura do AAA. Esta condição é a 17a causa de morte nos EUA, aproximadamente 15.000 mortes por ano.
 
Quem está no grupo de risco?
 
AAA ocorre mais freqüentemente em pessoas acima dos 60 anos, homens 4 vezes mais do que mulheres, tabagismo, história familiar de AAA ou outro tipo de aneurisma também aumenta o risco, aterosclerose (doença do “endurecimento” das artérias), história de doença cardíaca e pressão alta ( hipertensão).
Caso você esteja no grupo de risco, deveria conversar com seu médico para uma possível investigação.
 
Quais são os sintomas do AAA?
 
O AAA às vezes é chamado de “assassino silencioso” porque, na maioria dos casos de ruptura do aneurisma, não existe sinais de alerta.
Quando os sintomas estão presentes, os mais freqüentes são:

1- intensa dor abdominal, que pode ser constante ou vir e ir
2- dor nas costas que pode irradiar para nádegas, virilha ou pernas
3- sensação da “ batida do coração” ou pulso no abdome
4- fadiga
5- o aneurisma algumas vezes pode ser sentido como uma massa mole no abdome

Se o aneurisma se expandir rapidamente, abrem-se rasgos ou estoura, ou se o sangue vaza pela parede do vaso (dissecção aórtica) sintomas severos podem se devolver rapidamente.
A ruptura de um aneurisma é uma situação de risco de vida e requer cuidados médicos imediatos. Os sintomas podem incluir:
Dor intensa que tem início súbito,
Palidez,
Pulso rápido,
Secura na boca, na pele ou sede excessiva,
Ansiedade,
Náusea e vômito,
Tontura ou desmaio,
Sudorese excessiva ou pele úmida,
Choque

Se você experimentar estes sintomas, procure imediatamente cuidados de emergência.
 
Como saber se tenho um AAA?
 
Se você está incluído na categoria de alto risco para AAA, você deve conversar com o seu médico e se submeter a exames diagnósticos. Um exame físico detalhado pode detectar alguns tipos de aneurismas. O seu médico com o uso do estetoscópio pode ouvir o som anormal do fluxo sangüíneo quando passa pela porção enfraquecida/dilatada da aorta e também através da palpação abdominal pode sentir o aneurisma palpando gentilmente o abdome.
O exame físico é mais confiável e possível de detectar aneurismas em pacientes magros e com aneurismas grandes.
Se o seu médico suspeita que você pode ter um aneurisma ou você tem alto risco para ter um, existem vários tipos de exames de imagem que podem “ver” a aorta e confirmar se o aneurisma está presente ou não.

- Ultra-som

É o exame mais freqüente na investigação diagnóstica do AAA, por ser seguro e indolor. O exame é feito com um transdutor, que é um objeto do tamanho de um “mouse” de computador, que é passado por cima da pele do abdomem e cria imagens computadorizadas numa tela. Este exame pode diagnosticar pequenos aneurismas que não são diagnosticados ao exame físico.

- Tomografia Computadorizada

É um tipo de imagem computadorizada adquirida através da emissão de raios-x e que usa uma substância especial, chamada de contraste, que é injetada na veia para realçar os vasos sangüíneos.

- Ressonância Magnética

É um tipo de imagem computadorizada que é formada sem o uso de raio-x. Utiliza ondas de rádio e energia eletromagnética para a formação das imagens.

- Arteriografia

A imagem na arteriografia, também chamado de angiografia, é formada a partir da injeção de contraste em um vaso e obtenção de várias imagens seriadas (como em um filme ) mostrando o fluxo sangüíneo através dos vasos, evidenciando se estão ocluidos, estreitados ou se há qualquer outra alteração.
 
Como o AAA é tratado?
 
Se o aneurisma for pequeno, pode não precisar de tratamento devendo ser monitorado e acompanhado com exames de imagem periódicos. Se o aneurisma alcança certo tamanho ou tem um rápido crescimento, o tratamento pode ser necessário para evitar a sua ruptura.
A aorta normal mede aproximadamente 2,3 cm em diâmetro em homens e 1,9 cm em mulheres. Geralmente os aneurismas com diâmetros superiores a 4,5-5,0Cm poderão necessitar de tratamento.
Existem dois tipos de tratamento para o AAA:

- Cirurgia aberta: o método de tratamento mais tradicional para o AAA é o procedimento cirúrgico. A incisão é feita no abdome e o cirurgião abre o aneurisma e coloca em seu lugar uma prótese vascular, que é um tubo feito de um tecido especial que fica na área enfraquecida da aorta, excluindo a dilatação aneurismática da aorta.
-
 
O Tratamento Endovascular
 
Tratamento endovascular: é uma técnica minimamente invasiva na qual um cateter, fino tubo, é inserido dentro dos vasos sangüíneos através de uma incisão, na região inguinal.
Através de imagens guiadas por raios-X, uma prótese endovascular é liberada do interior do cateter e colocada dentro do aneurisma.

A decisão final, se o aneurisma deve ser tratado ou não e qual a melhor escolha terapêutica vai depender de vários fatores que incluem a natureza do aneurisma e as condições clínicas, de saúde, do paciente.

 
Imagem Pré e Pós Tratamento Endovascular
 
Figura mostrando um aneurisma fusiforme da aorta abdominal abaixo das arterias renais, que foi tratado com uma endoprotese.
 
Mais informações...
 
Informações a respeito de hospitais, convênios, taxas etc podem ser obtidas através de um dos telefones abaixo:

- Hospital Santa Joana : 0 xx 81 32 16 66 37
- Hospital Memorial São José: 0 xx 81 32 21 59 76
- Real Hospital Português: 0 xx 81 34 16 11 60
- Hospital Jayme Dafonte: 0 xx 81 34 16 00 00
- Hospital Unimed Recife: 0 xx 81 34 13 9000